Situações da maternidade: como você vai ao banheiro?

12.03.2020 – A maternidade é um momento lindo e uma transformação para as mulheres, concordam? A independência se torna algo distante e ao mesmo tempo um sonho de muitas mulheres. São diversas situações da maternidade que se tornam mais desafiadoras do que parecem.

O que fazer em situações que antes eram simples?

Com a maternidade você vai se deparar o tempo inteiro com sentimentos contraditórios dentro de si, nem todos publicáveis principalmente porque existe uma romantização muito grande que fará você se sentir culpada por boa parte dos seus sentimentos. Mas acredite, todas as mulheres sentem-se assim.

A vontade de estar sempre junto ao filho, a necessidade de estar sozinha. O amor despertado pela presença da criança e pela nova vida que isto representa, a saudade da vida antiga onde não tinha tanto perrengue. A raiva por ter que se submeter a tanta coisa por causa da criança, a culpa por sentir raiva sabendo que a criança não tem nada a ver com isso. Transitamos o tempo todo entre o amor e a dor, com muita culpa causada por um sociedade que responsabiliza mães por tudo, romantiza maternidade e não nos dá nenhum apoio.

Em um dos grupos que acompanhamos o assunto foi como ir ao banheiro tendo filhos. Esses grupos são de troca de ideias e informações, para que nós mães possamos juntas nos acolhermos e nos ajudarmos sem julgamento.

 

Separamos as melhores dicas para você conseguir usar o banheiro de uma forma mais leve e tranquila (se possível rsrs):

1- Deixe a criança do lado de fora do banheiro com uma fresta da porta aberta;

2- Coloca dentro do berço, se a criança ainda for pequena;

3- Entretenha com brinquedos e explique que vai ao banheiro e volta logo;

4- No banho, leve brinquedos para que a criança fique junto do lado seco, ou fique com outro cuidador;

5- Coloque música ou desenho, para distrair a criança e ela não mexer no lixo, armários ou coisas que podem machucá-la;

6- Se se sentir confortável, feche a porta e fale para a criança contar até 50, que no final você sairá do banheiro. Esse é um processo onde ela aprende a esperar e a organizar os números ao mesmo tempo;

Você usa outra técnica por aí? Conta aqui nos comentários para podermos compartilhar com outras mães.

 

Fontes de pesquisa: Militância Materna, Revista Pais e Filhos.

Confira também:

Socorro! Não tenho liberdade com a maternidade

@ Mães Amigas

Escrito por: @ Mães Amigas

Confira os 1923 posts publicados pela @ Mães Amigas

Veja Tambm