Cárie não é falta de escovação

19.08.2019 – Escovar os dentes, um inimigo de muitas crianças e um desafio das mães para ensinar os filhos da importância dessa atividade. Você sabia que para prevenir cárie não está somente no ato de escovar os dentes?

Muitas vezes, explicamos que a não escovação causa cárie e por isso trazemos hoje a orientação do odontopediatra Gabriel Politano que vem desmistificando esse assunto há algum tempo.

Confere o que ele falou recentemente nas suas redes sociais:

“Para prevenir cárie precisamos mais de um nutricionista do que de um dentista. A prevenção acontece em casa, na dependência de como são nossos hábitos diários, entenda as explicações disso que eu falo:

– Quando não escovamos os dentes, a gente deixa acumulado bactérias, biofilme, placa bacteriana que em contato com a gengiva provoca uma reação no organismo e manda células de defesas pelo sangue e isso inflama a gengiva.

– Quando escovamos os dentes prevenimos a gengivite. E a cárie? Sim, escovar os dentes 2 a 3 vezes no dia ajuda a prevenir, mas ela é evitada principalmente pelo controle da dieta. As bactérias por si só, não produzem o ácido capaz de descalcificar e esfarelar os dentes.

Essa é a principal diferença entre a causa da gengivite e a causa da cárie.

Não basta não escovar os dentes para não ter cárie. A não escovação gera a gengivite. Se você não escovar e também comer carboidratos várias vezes ao dia, sem escovar os dentes por vários dias seguidos, terá uma ação de ácidos por culpa desse carboidrato e com frequência, a saliva não consegue controlar, o flúor aplicado também não e a escovação não é efetiva se aplicada poucas vezes. É como se você comesse 15 vezes carboidrato e precisasse escovar os dentes 15 vezes, entender?

Com isso, o dente esfarela. Isso explica por que a maioria dos bebês que escovam os dentes duas ou três vezes no dia, mesmo comendo 5 ou 6 vezes naquele dia, se manter sem cárie, porque tem uma alimentação adequada com alimentos balanceados.

O que importa é o que a gente está comendo nas vezes em que não escovamos os dentes, e o uso da pasta de dente com flúor todas as vezes que escovamos os dentes das crianças.

Além disso é importante ir ao dentista e entender que o controle da alimentação com alimentos saudáveis é fundamental para se manter sem cárie, além é claro, de se permitir escovar os dentes de duas a três vezes por dia.

Quanto melhor a gente come, menos a gente depende da escovação para prevenir cárie e quanto pior comemos mais precisamos da escovação”.

Como você vem ensinando os seus filhos sobre a escovação de dentes? Esperamos que com esse conteúdo, conseguimos abrir nossos olhos para outras alternativas e ensinamentos e não apenas replicar o que nos foi ensinado sem questionamentos.

Confira também:

Mães são a principal fonte de bactérias bucais das crianças

Alessandra Assumpção

Escrito por: Alessandra Assumpção

Confira os 56 posts publicados pela Alessandra Assumpção

Veja Tambm