Festa de 1 ano? Sim senhor!!!

09.08.2012 – É com imensa alegria que venho aqui inaugurar essa coluna. Um grupo tão querido, que faço parte desde o início e que me proporcionou conhecer muitas mães que se tornaram amigas. E lógico que o tema dessa coluna não poderia ser outro: festas!
 
Então, quinzenalmente, estarei aqui para conversar um pouquinho com vocês sobre festas em geral. Darei dicas, trarei novidades e ensinarei alguns truques também desse mundo mágico. Sugestões e comentários são sempre bem vindos!
 
Para a “primeira edição”, escolhi esse tema pois muitas pessoas me perguntam se “vale a pena” fazer festa para comemorar o primeiro aniversário dos filhotes.  Eu, como uma boa festeira, respondo de imediato: claro  que vale!!!! Não só o primeiro, como o segundo, o terceiro, o quarto….
 
Aniversário Davi – 1 ano – Tema: Pequeno Príncipe
E fazer festa não necessariamente significa gastar rios de dinheiro, fazer empréstimo no banco, ficar devendo o que tem e o que não tem…. Quando eu digo “fazer festa” quero dizer reunir as pessoas importantes nesse primeiro ano da vida dele(a) para passar algumas horas agradáveis, celebrando a VIDA. O resto são detalhes…
 
Se engana quem diz que criança de um ano não aproveita a festa. Aproveita sim. E muito! Eles sentem a nossa ansiedade, sentem as boas vibrações do momento,  sentem a energia positiva das pessoas que ali estão.  É claro que as crianças que não estão muito acostumadas com barulho e com muita gente podem estranhar e até ficar enjoadinhas, chorosas. Mas até essas vão sentir a alegria que passamos nesse dia!
 
Aniversário Diego – Tema: Brinquedos de Menino
Além disso, nós, mães e pais, merecemos também essa comemoração, afinal, sobrevivemos ao primeiro ano!!! Em doze meses  aprendemos,  duramente,  a ser mães e pais. Mais que isso. Aprendemos a ser BOAS MÃES e BONS PAIS. E como aprendemos….
Então bóra comemorar?
 
Festa de 1 ano Cauã – Tema Galinha Pintadinha

 

Aqui vão alguns passos para organizar melhor essa grande comemoração
 
1   1. Lista de convidados: faça uma lista com todos que você gostaria de convidar. Essa é a primeira lista. Depois, caso seja necessário, você corta algumas pessoas, acrescenta outras. Enfim, essa lista é para você ter uma base do número de convidados. Não esqueça de colocar as crianças, para  pensar na quantidade de lembrancinhas também.
 
     2. Local: escolha um local que comporte o número de convidados confortavelmente.  Buffets, salões ou em casa mesmo: em todas as opções têm os prós e contras, mas esse é um tema para outra edição…O importante é estarem todos confortáveis e a sua conta estar no azul!
 
3   3. Respeite a rotina da criança. Se seu filho(a) dorme muito cedo, não convém fazer a festa a noite. Prefira o horário do almoço ou meio da tarde.
 
     4. Escolha um tema. Pode ser um desenho que seu filho goste, pode ser um tema que você sonhe. Eu, particularmente, gosto muito de temas não comerciais e o primeiro ano é uma ótima oportunidade para criar um tema especial!
 
5  5. Comece a correr atrás de orçamentos: comes e bebes, decoração, lembrancinhas… Hoje existem muitas empresas no mercado. Procure saber se a que você escolheu é confiável, peça indicações, confira informações. Não existem milagres, portanto, o barato pode sair caro!
 
    6. Lembrancinhas: considere uma lembrancinha “infantil” por criança. Mas não esqueça de pedir algumas unidades a mais, para não ser pega de surpresa caso vá alguma criança extra. Também costumamos dar alguma lembrancinha para os adultos, como uma fotinho da criança, que pode ser no imã ou em algum objeto personalizado. Dessas você pode calcular uma por família.

Agora é só aproveitar a festa com muita alegria!  
Até a próxima!!!

 

Placa-colunista-tricia-abrahao

  

 

@ Mães Amigas

Escrito por: @ Mães Amigas

Confira os 1949 posts publicados pela @ Mães Amigas

Veja Tambm