Boechat deixa sorrisos espalhados por aí

Ricardo Boechat com os filhos Bia e Rafael (esq.), a esposa, Verusa com a filha Valentina, e Paula, com a pequena Catarina no colo. (Foto: Arquivo pessoal)

 

11.02.2019 – Sim, assim como o Brasil, estamos arrasadas por aqui. O nosso pensamento não está na falta que Ricardo Boechat, que morreu nesta manhã (11), fará ao jornalismo brasileiro – que, claro, será sentida demais por aqui. Principalmente por eu ser uma jornalista, ter trabalhado na Band regional e ter muita admiração pelo profissional que ele foi.

Nesse momento, os nosso pensamentos estão na família dele. Na esposa, nos filhos – que são seis, para ser mais exata. Seis filhos com o mesmo sorriso que o dele. São eles Paula, Bia, Rafael, Patricia e as pequenas Valentina e Catarina.

Já passamos por isso por aqui (nosso pai morreu em um acidente de carro, quando uma árvore caiu sobre o carro dele em movimento) e nosso mundo desabou. Ficamos sem chão e imaginamos que essa sensação horrível está imperando por lá, entre os familiares.

Assim como a família do Boechat, a família das pessoas de Brumadinho, dos jovens do Flamengo e de todas as outras pessoas que também eram queridas pelos seus familiares, amigos e fãs. Nosso pedido aqui é um só: abracem seus filhos, agradeçam seus pais, respeitem os seus amigos e, acima de tudo, sejam amáveis com vocês mesmos.

A vida é frágil e, em um piscar de olhos ou uma queda de um avião, ela se vai. Tudo acaba! Aquele carro que você comprou não vale mais nada, aquela briga que você armou já não faz mais sentido, aquela roupa não servira mais para você! E para que serviu? Bens materiais vão embora e a única coisa que fica é o amor que você espalha.

Meu pai dizia assim: “Somos responsáveis pelo amor que espalhamos”. Espalhe mais amor por aí! Cuide da sua saúde e adquira bens que te façam feliz. Apenas não se esqueça que, acima de tudo, está o amor.

À família do Boechat, aos moradores de Brumadinho e aos sonhadores do centro de treinamento do Flamengo, NOSSOS SENTIMENTOS! E para você que ainda não passou por essa situação, AGRADEÇA! Uma hora pode ser com você e a dor irá te ensinar que tudo o que vale são as relações que construímos, pois só isso será preservado.

Um dia, vamos todos descansar em paz.
Um abraço apertado,
Mi Occiuzzi.

 

UNIVERSO POLYANA: O último adeus…

Michelle Occiuzzi

Escrito por: Michelle Occiuzzi

Confira os 73 posts publicados pela Michelle Occiuzzi

Veja Tambm