Viagem com crianças para os EUA

Viagem com crianças para os EUA

Michelle Malinski
Mãe do João Victor
♥ “A viagem foi planejada com bastante antecedência, para que pudéssemos aproveitar ao máximo a nossa estadia”

 

Viagem com crianças para os EUA

Hoje vou contar um pouquinho sobre a nossa viagem aos Estados Unidos, em abril deste ano. Fomos eu, meu marido e nosso filho João Vitor, de 05 anos. A viagem foi planejada com bastante antecedência, para que pudéssemos aproveitar ao máximo a nossa estadia, que foi de 09 dias em Orlando e 04 em Miami. Viajar com criança não é das tarefas mais simples, então pesquisei muito sobre os locais e atrações que meu filho poderia curtir mais e, principalmente, se alimentar como de costume no Brasil. Participei de um grupo fechado sobre Orlando, no qual colhi muitas dicas e informações sobre a viagem. Foi extremamente útil.

Depois de tudo comprado e organizado, a primeira providência foi levá-lo ao pediatra e pedir uma receita para nossa “farmacinha”. Levamos antibiótico, antialérgico, corticoide, remédios para enjoo, dor e febre, entre outros. Além disso, também levei as homeopatias que ele está habituado a tomar. Despachei tudo na mala e não tivemos problema algum. Sequer solicitaram a receita, mas levei por precaução. Graças a Deus, não precisamos usá-los!! 🙂 Ah, também fizemos seguro viagem para os três, visto que a saúde nos Estados Unidos é bastante dispendiosa.

Embarcamos no dia 17 de abril. Escolhi voos diurnos, tanto na ida, quanto na volta, pois preferia que meu filho chegasse cansado da viagem e dormisse à noite toda, do que dormisse no voo e chegasse “a todo o vapor” por lá. Deu super certo. Ele se distraiu com o entretenimento do próprio avião e com o tablet que levamos.

A viagem foi maravilhosa. Conhecemos 03 parques da Disney (Magic Kingdom, Animal Kingdom e Hollywood Studios), os 02 parques da Universal, o Sea World e o Legoland. João Vitor curtiu tudo que podia e mais um pouco. Foi em todas as atrações que tinha altura para ir. Aliás, diria que, a partir dessa idade (5 anos), a criança curte bem mais os parques.

Já pensando em como seria cansativo caminhar o dia todo em 07 parques, compramos um carrinho no Walmart para meu filho e foi a MELHOR coisa que fizemos. Os parques possuem estacionamentos para carrinhos próximos de cada atração. A gente deixava ele estacionado, inclusive com a mochila, que tinha água (a água dentro do parque é muito cara), um snack e casacos (os ambientes fechados são muito gelados, em razão do ar-condicionado). Ninguém mexeu nas nossas coisas! Rsrs

Sobre a alimentação, como eu disse, pesquisei locais que servissem comida “brasileira”, então, pelo menos na janta, nós comíamos o que estávamos acostumados (arroz e feijão). Cuidado com a pimenta… quase todos os restaurantes americanos servem comida apimentada. Isso foi um problema, pois eu ODEIO. Sempre pedia pra vir sem.

Depois, fomos pra Miami, onde focamos nas compras (essa parte meu filho não curtiu, salvo quando era compra de brinquedos rsrsrs). Não trouxemos muita coisa e não fomos parados na alfândega. Depois desta experiência, posso dizer que vale muito a pena viajar à Orlando com os filhos.

 

Viagem com crianças para os EUA

Confira Também:

A importância do seguro viagem, meu filho se machucou nos EUA

Dica de Viagem: Califórnia com criança

Viagem com crianças em Porto de Galinhas

 

 

@ Mães Amigas

Escrito por: @ Mães Amigas

Confira os 1358 posts publicados pela @ Mães Amigas

Veja Também