DIÁRIO DE MÃE: Terapia do desenho

23.08.2013 – Quem me conhece sabe que, nas aulas de educação artística da escola, eu não fui capaz de desenhar nem uma árvore.

E não é que a maternidade me aperfeiçoou até nisso!! Fora que, para mim, é terapia!

Terapia do desenho

A Laura entrou numa fase em que tudo que vê, sejam objetos, desenhos na TV, figuras nas caixas de presentes ou nos livros, quer que eu desenhe e recorte. É muito fofo ela falando “denhesa, mamãe, cota” (desenha, mamãe e recorta).

Em dias frios e chuvosos, essa tem sido minha salvação. Ok! Confesso! Já fiquei com câimbra nos dedos… rsss

Já aconteceu de o marido chegar em casa e, pelos desenhos em cima do sofá, conseguir saber o que fizemos naquele dia: Vimos o Mickey, assistimos Xuxa Circo e lá se vão muitos palhaços, Hello Kity esteve na área e a família da Galinha Pintadinha então?! Essa nem se fala!

Em pensar que, há pouco mais de dois anos, estava eu lá, sendo engolida pelo mundo corporativo. E agora? Agora tô eu aqui me tornando uma exímia desenhista. Exímia sim! Vocês nem imaginam o que eram meus desenhos antes da Laura. Só por misericórdia! Mas nada como o treino.

Terapia do desenhoBom… deixa eu ir porque ainda tenho muito trabalho pela frente. Logo mais começa o desenho da Peppa e a família dela é grande, viu? Depois vem a Dora (ô menininha feia! que ninguém me ouça!) e os Backyardigans… estes só Jesus pra me ajudar… sempre que faço Laura reclama que faltou alguma parte… kkkkkk

 

 

 

 

Saiba o que é a arte terapia, clique aqui.

Você pode gostar de ler: Menina de pintinhasUma simples viagem à praia

 

Placa-Patricia

@ Mães Amigas

Escrito por: @ Mães Amigas

Confira os 1389 posts publicados pela @ Mães Amigas

Veja Também