Minha filha engoliu um palito de pirulito!

 

Patricia Paiva
Mãe da Maria Eduarda

“Como sofri quando vi aquilo. Sofri pela dor dela, sofri pelos riscos que ela correu ”

 

Minha filha engoliu um palito de pirulito!

Sempre fui uma mãe muito tranquila, sem muitas “neuras”, mas sempre tive restrições a muitas coisas, principalmente ligadas a segurança. Era uma sexta-feira a noite, minha filha caçula Maria Eduarda, tinha chegado da escola com o pai, como sempre muito elétrica e falante. Mas, em um determinado momento, ela se queixou de uma dor na boquinha. Eu prontamente abri sua boca, olhei e não vi nada. Ela voltou a brincar, comeu, falou e dormiu novamente.

No dia seguinte, no sábado, continuamos nossa rotina normal, ela brincando, eu nos meu afazeres. Até que a Duda se queixou novamente da dor na boca, mas nada em tom de alarde: “Mamãe, tá doendo a boquinha!”. Eu novamente olhei, e visualmente, não encontrei nada de diferente. Comentei com meu marido, que poderia ser algum dentinho novo, ou até mesmo um problema bucal. Fiquei de marcar uma consulta no pediatra na segunda feira. Enquanto isso, passamos o domingo normalmente, e segunda-feira também.

A noite veio o pesadelo. Eu estava na cozinha quando a Duda entrou correndo, gritando e chorando muito. Reclamando da tal dor na boquinha. Dessa vez ela estava desesperada. Foi quando abri a boca e ela vomitou, vomitou muito mesmo. Quando olhei novamente na boca dela, vi uma ponta branca. Meu Deus, que desespero.

Em um ato impensado, coloquei a minha mão dentro da boca dela, e com os dedos puxei o objeto, que até aquele momento eu nem imagina o poderia ser. A aflição tomou conta de mim e eu só pensava em tirar aquilo da garganta dela, para que ela não engolisse novamente. Consegui tirar, e para meu desespero, era um palito de pirulito inteiro, que estava alojado na garganta da Duda.

Como sofri quando vi aquilo. Sofri pela dor dela, sofri pelos riscos que ela correu e sofri naquele momento, porque me culpava em não ter dado maior atenção as queixas de dor. A idade dela é uma idade tão inocente, de aprendizado, que ela não sabia falar garganta, ela só falava boquinha. E, por ela continuar se alimentando normal, falando, dormindo, em nenhum momento me passou pela cabeça que pudesse ser algo na garganta.

Na hora que peguei o palito, só me veio a escola no pensamento. Duda só ficava em 2 ambientes, sem ser a nossa casa: A casa da minha mãe (que por sinal é extremamente cuidadosa com qualquer tipo de coisa que seja oferecida a uma criança) e a escola. Meu marido foi até a escolinha e a professora confirmou, na sexta feira havia tido uma festinha de um amiguinho de sala e foi dada as crianças guloseimas, entre elas pirulito.

A minha preocupação sempre foi, o doce do pirulito, ou seja a bolinha. Nunca me passou pela cabeça que o palito poderia ser um problema, mesmo que nunca tivesse dado um pirulito para Maria Eduarda sem supervisão. Como eles podem dar pirulitos a crianças de 2 anos sem supervisão alguma?

Levamos Duda na emergência, a médica pediu uma ultrassonografia para saber se tinha afetado ou ferido algo internamente. Graças a Deus, nada de mais grave foi constatado mas, quando a médica nos falou de todos os ricos que ela correu, de tudo que poderia ter ocorrido, inclusive com o meu ato, de puxar o palito com a mão, um desespero tomou conta. Mas qual mãe, com instinto materno, não faria o mesmo?

Graças a Deus que consegui tirar, poderia não ter conseguido. Hoje, tenho um cuidado maior e restrições maiores ainda. Não estou neurótica, mas perto do risco que ela correu, até canudo de caixinha de leite fermentado me assusta. Contar minha experiência hoje, é tentar fazer um alerta, para todas as pessoas que possuem crianças pequenas em casa que ainda não se comunicam direito. Toda atenção as queixas deles. Isso pode ser um fator determinante na vida das crianças. Bjs a todas e muito obrigada pelas mensagens de carinho e força!

 

Minha filha engoliu um palito de pirulito!

Confira Também:

Minha filha engoliu uma presilha dormindo

Minha filha engoliu um pedaço de colher de plástico

Minha filha fez cirurgia de correção do Lábio Leporino

@ Mães Amigas

Escrito por: @ Mães Amigas

Confira os 1304 posts publicados pela @ Mães Amigas

Veja Também