Mães Amigas na TV – “Depois que tive filho, optei por trabalhar em casa”

26.08.2014 – Entrevistamos, no Mães Amigas na TV, a mãe amiga, Beatriz Zogaib. Depois que ela virou mãe, decidiu mudar o foco da sua vida profissional! Mesmo sofrendo com a pressão da sociedade, ela deixou a carreira tradicional de lado e optou por trabalhar em casa ao lado do seu filho, o pequeno Leo. Hoje, além de trabalhar como jornalista freelance e ser consultora de mídias sociais, ela é autora do blog “Mãe da cabeça aos pés” onde ajuda várias outras mães que vivem o mesmo dilema que um dia passou pela vida dela.

Mães Amigas na TV

 

selo materia mae amiga

Beatriz Marana Zogaib

Mãe do: Leonardo (5 anos) e grávida da Manuela

♥ “Essa foi e é a maneira que encontrei de conciliar meus desejos e necessidades de mulher e mãe”

 

Não vou dizer que foi fácil. Porque não foi. Hoje em dia, depois de sutiã queimado e tudo o mais, escolher ficar em casa cuidando de filho parece não ser a opção mais óbvia, coerente e admirável para uma mulher. Entre pré-conceitos, dedos apontados e a mais pura exaustão (sim, cansa!), quem escolhe a maternidade em tempo integral sofre um bocado – e muitas vezes pode ficar na dúvida se está fazendo o melhor!

Se você também passa por isso, ou um dia vier a passar, tenho que dizer: confie em você! No seu instinto materno, na intuição feminina e, principalmente, no seu coração. Muita gente vai falar demais mesmo, te perguntar algo como “mas você só fica em casa?” ou “só cuida dele?”. Você vai se chatear muito provavelmente. Vai se sentir desvalorizada e ter uma vontade incontrolável de gritar “SIMMMMMMM! QUAL O PROBLEMA?”. Mas faz parte do pacote. E paciência.

Fiz essa opção nos primeiros 3 anos do meu filho, que só foi pra escola um mês antes do terceiro aniversário. E fui feliz! Muito!!! Não me imaginava saindo pra trabalhar, deixando ele com terceiros, voltando no fim do dia. Tive o apoio do meu marido, e banquei a minha vontade naquele momento – peitando familiares, amigos e desconhecidos intrometidos. Aos poucos, fui voltando ao mercado do meu jeito – em home office, como freelancer e autora do blog Mãe da Cabeça aos Pés! E, sim, ainda hoje escuto que “devia voltar para um emprego” de fato.

Mais uma vez, repito, fácil não é. Mas essa foi e é a maneira que encontrei de conciliar meus desejos e necessidades de mulher e mãe. E foi sim o melhor, pra mim e para o Léo! Ainda é! Talvez por isso, hoje, prestes a parir a Manuela, estou sentindo que devo ir pelo mesmo caminho… Só que, infelizmente, dessa vez é mais difícil parar com tudo; as demandas financeiras são maiores (multiplicadas por dois!) e eu tracei um rumo cuja pausa pode ser bem complicadinha… Minha escolha? Continuar no que chamo de mom’s office, delegar o que eu puder relativo à trabalho, e curtir meus filhos!

É claro que, ficando em casa, cuidar da casa também entra no jogo. No meu caso, isso toma bastante tempo – já que não tenho quem cozinhe pra mim ou coloque roupas pra lavar (minha ajuda doméstica possível se limita à faxina semanal e roupas passadas). Mas até nisso sei que damos jeito. Se estamos plenas na nossas escolhas, lidamos com suas consequências de forma tranquila. E quando a gente se sente feliz com o que está fazendo (seja trabalhando ou cuidando de filho), a vida fica leve e tudo flui…

E é por isso que desejo que todas as mães respeitem as suas vontades e as de outras mães – principalmente nessa fase do pós-parto, do bebê pequeno, do “fim da licença”, da confusão de sentimentos… Que todas nós possamos fazer opções conscientes e sem arrependimentos – sejam elas quais forem. Quando não for possível escolher, desejo um caminho do meio, e força!!! E que tenhamos apoio, sempre!

 

Oferecimento Mães Amigas na TV:
Brasinha-Maes-Amigas-na-TVPetit-Bateau-Maes-Amigas-na

 

Agradecimentos Mães Amigas na TV:

Livraria da Vila e Sobrancelhas Design by Maura Lima Campinas

Saiba mais sobre o programa Pop Station

@ Mães Amigas

Escrito por: @ Mães Amigas

Confira os 1304 posts publicados pela @ Mães Amigas

Veja Também