DIÁRIO DE BORDO: Orlando / Começando…

11.09.2013 – Começo esse diário contando como tudo começou… Nós decidimos viajar a Orlando com a Yasmin, que está com 2 anos e 8 meses.

Quando falei pra Michelle Occiuzzi que sairia de férias, ela logo teve a ideia de postarmos alguma coisa sobre a viagem, afinal, Mães Amigas estão sempre em busca de informações sobre a Disney e demais atrações de Orlando.

Bem, a coisa foi evoluindo, evoluindo, evoluindo e, no fim, virou isso aqui que vocês estão lendo agora, um diário de bordo sobre o que fazer em Orlando com uma criança pequena!

Durante os preparativos, fiz contato com as assessorias de imprensa dos parques e principais atrações e comecei a planejar o que iria publicar.

Vocês poderão acompanhar comigo o que vai rolar em nossa viagem. Eu, meu marido Guilherme, nossa filha Yasmin (2a8m) e minha enteada Ailyn (19 anos).

No dia do voo, a Yasmin acordou às 7h e não dormiu nadica de nada, estava elétrica o dia todo. Eu pensei: que bom, vai dormir no carro antes de chegar ao aeroporto. Não… ela foi suuuper acordada no carro e ainda estava elétrica na sala de embarque.

No avião, amou a necessaire da TAM e não a largava por nada, abria e fechava mil vezes, escovou os dentes na poltrona (rs) e penteou o cabelo até cansar. Já passava das 2h da manhã quando ela finalmente capotou!

Por indicação de várias Mães Amigas, levei um travesseiro bem fininho e colocamos na poltrona pra ela deitar sobre ele, como se fosse um colchão. Foi ótimo, ela dormiu até de manhã e não deu o menor trabalho. No aeroporto de Orlando também foi tudo tranquilo e logo estávamos no hotel.

Para aproveitar o restinho do domingo, resolvemos ir a Downtown Disney (leia aqui a matéria da Mãe Amiga Cilene Vasconcellos sobre Downtown Disney). Nossa, que vontade de fazer tudo! Entramos pelo lado do T-Rex, um restaurante temático do mundo dos dinossauros, a primeira impressão já foi jurássica, se é que me entendem… rs

DIÁRIO DE BORDO: Orlando / ComeçandoFomos caminhando e passeando pelo complexo de compras, alimentação e entretenimento da Disney e nos encantando com tudo.

Não deu pra resistir a entrar na loja World of Disney, que dizem ser a maior loja da Disney no mundo, dividida em 9 partes. Logo de cara, a Yasmin encontrou um Sullivan de pelúcia pequenininho, o monstro azul super querido do filme Monstros S.A. Ela já tem um enorme (que não deu pra trazer, afinal, é praticamente do tamanho dela…), mas gostou tanto dele que nem deu muita bola para as Princesas e, claro, acabamos comprando um “Sully” pra ela! E ela dizia que era o filhotinho do Sullivan… rs

No dia seguinte, decidimos ir a um dos muitos outlets de Orlando fazer compras, já que a melhor programação nos parques não era na segunda-feira. Fomos ao Outlet Premium da International Drive.

Para os adultos é uma maravilha, apesar de nem tudo compensar muito em função do dólar nas alturas… Mas eu estava preocupada com a Yasmin, pensando, será que ela vai se cansar, vai ficar entediada etc. Só que não. Parecia que ela estava curtindo mais que todos nós o passeio no “popping” (leia shopping). Brincava de esconder no meio das roupas, de correr atrás da irmã para assustá-la e fazia mil tripulias nas lojas, até que avistou um “pula-pula” e ficou paralisada olhando. Era uma cama elástica enorme, com cintas que prendiam o corpo da criança. Parecia coisa de circo e eu achei que ela ficaria com medo, mas não… foi lá, colocou todas as cintas e começou a pular. Era até engraçado, uma criança tão pititica naquele negócio.

Vejam um trechinho em vídeo:

Se você tem criança pequena – ou até mesmo os maiorzinhos – vá ao Outlet Premium da International Drive sem medo, pra eles tudo é novidade e curtir a viagem em família é uma delícia.

Bem, depois de um dia inteiro de caminhada pelo outlet, paramos pra comer no The Cheesecake Factory e ela ainda a mil, a essa hora curtindo os joguinhos no iPhone. E nós três exaustos… rs

Dicas de mãe amiga

Lembre de levar um carrinho de bebê ou alugar um logo no começo, porque é impossível carregar compras e criança quando se está cansado… Nossa ideia era comprar um carrinho aqui, por isso não trouxemos o dela. Aliás, comprar um carrinho aqui vale a pena porque criança maior de 2 anos paga passagem aérea normalmente e, se levar o carrinho do Brasil, ele contará como um volume na franquia de bagagem. Aqui um carrinho simples, tipo guarda-chuva, sem nada de acessórios, custa 24 dólares no Target. Para se ter uma ideia, alugar um carrinho nos parques da Disney custa 15 dólares por dia!

Ainda no Brasil, entre no site dos outlets, faça seu cadastro e imprima um cupom vip para trocar por um livreto de cupons e ter descontos em muuuitas lojas, não custa nada e vale muito a pena!

Ao chegar, pegue um mapinha do outlet, selecione as lojas que deseja ver. Se ficar parando em todas elas “só pra ver se tem algo legal” não consegue terminar o outlet em um dia inteiro!

No dia seguinte, finalmente o primeiro parque, Animal Kingdom, aguardem, a aventura está apenas começando!

 

Diario-de-bordo-02

 

Clique aqui para conferir o segundo dia de viagem: Animal Kingdom

 

 

 

 

placa-elis

@ Mães Amigas

Escrito por: @ Mães Amigas

Confira os 1393 posts publicados pela @ Mães Amigas

Veja Também