Dia Mundial de Luta Contra a AIDS

O dia 1º de dezembro foi instituído internacionalmente como o Dia Mundial de Luta Contra a AIDS, um dia que deve servir para desenvolver e intensificar o esforço mundial da luta contra a AIDS. O objetivo é promover a troca de informações e experiências e criar um espírito de tolerância social; além de reforçar a solidariedade com os portadores do vírus.

Quando recebemos o diagnóstico de uma doença, lidamos com vários sentimentos, como o susto da notícia, o medo, a insegurança, o impacto e as consequências do tratamento. O portador do HIV tem que trabalhar com isso e mais ainda com o preconceito que ronda a doença.

Se, para um adulto já é difícil, imagina para uma criança!

O governo de São Paulo lançou, em novembro de 2012, uma cartilha que ensina a melhor forma de falar aos pacientes infantis que eles são portadores do vírus HIV. Para quem tiver interesse em conhecer, ou indicar para alguém que está passando por isso, segue o endereço: Manual para assistência à revelação diagnóstica às crianças e jovens que vivem com HIV/AIDS.

Situação da doença em Campinas: 

Segundo dados da Prefeitura de Campinas, a epidemia da AIDS em Campinas apresenta um total acumulado de 6.678 casos notificados, dos quais 159 são em crianças (menores do que 13 anos).

Os dados são relativos aos casos de AIDS notificados de residentes em Campinas, de 1982 a dezembro de 2012 (fonte SINAN-W e SINAN-NET), sendo que os últimos 5 anos estão sujeitos a revisão. Os dados referem-se ao número de pessoas com critérios para notificação por AIDS e não àquelas que são portadoras assintomáticas do HIV.

Abaixo dicas de livros sobre o assunto:

Coragem

Histórias de Coragem – A Realidade de Quem Vive com HIV/AIDS

Autores Diversos – Madras Editora

Esta é uma obra de profundidade! Traz 14 relatos corajosos de quem passou a fase da descoberta da contaminação e aprendeu a viver com o HIV/AIDS. O grande ponto em comum entre os relatos – e consideramos um mérito – é que todas as pessoas envolvidas nas narrativas decidiram sair do mundo mais confortável que conseguiram construir para si, desde a contaminação, para contar como se prevenir, que tipo de discriminação um portador de HIV sofre e como é possível conviver bem com a soropositividade.

 

untitledHistórias Vividas por Crianças com AIDS

De Ana Maria Baricca – Selo Universidade

Este livro traz a história de cinco crianças portadoras do vírus HIV, atendidas pela autora como psicóloga do Instituto Emílio Ribas. Ao descrever as intervenções efetuadas (criações de desenhos e histórias, teia de palavras, massagens, diálogos…), irrompem os dramas de cada um dos pacientes ante uma doença assustadora que os exclui de seu cotidiano e os coloca em contato com o sentimento de solidão e morte iminente. Em linguagem clara, acessível a todos que se interessam pelo assunto, Ana Maria Baricca apresenta uma delicada e profunda reflexão sobre a criança soropositiva. Resulta uma obra de referência, pois oferece novos subsídios a psicólogos, médicos e outros profissionais da área hospitalar.

 

daniel

Daniel e Letícia – Falando sobre AIDS

De César Miranda Alves – Editora Ave Maria

Duas histórias que se completam e a criança escolhe por qual começar. É a história de Daniel, que está com o vírus HIV. Na escola as crianças ficam agitadas por saberem que um amigo é portador do vírus. Como não sabem direito o que é AIDS, acabam repetindo os chavões que escutam por aí. Até que aparece Letícia, amiga de Daniel, que deseja saber a verdade sobre a AIDS. Sem falso moralismo, a professora e Daniel explicam o que é AIDS, as formas de contágio e como fazer a prevenção. Recomendado pelo Ministério da Saúde e pela UNICEF. Um livro para o nosso tempo de esperança.

 

aid

A AIDS

De Maria Amália Vaz Guedes – Editora Impala

Maria é uma adolescente que, estando grávida, descobre estar infectada pelo vírus HIV. Em linguagem clara e acessível às crianças, o livro traz informações básicas necessárias sobre a AIDS, suas formas de transmissão e o que pode ser feito para evitá-la. Entretanto, também são ressaltados o valor do respeito e da compreensão necessários para com as pessoas que já convivem com a doença.

rodrigo

 

A AIDS e alguns fantasmas no diário de Rodrigo

De Jonas Ribeiro – Editora Elementar

A AIDS vista sob a ótica de um menino soropositivo. Um texto informativo com relatos sobre os meios de contágio e prevenção, sobre solidariedade, exclusão e inclusão social.

 

Lançamento

valor da vida

Para quem está em São Paulo, no próximo 1º de dezembro será o lançamento do livro , de Roseli Tardeli, fundadora da Agência de Notícias da AIDS. O livro é da Editora Senac São Paulo.

Local: Livraria Cultura – Conjunto Nacional

Endereço: Avenida Paulista, 2073 – Bela Vista – São Paulo – SP

Data:  01/12/2013 (domingo)

Horário: das 15h às 19h

 

Para saber mais:

Site do Ministério da Saúde específico sobre HIV/AIDS

Campinas inicia campanha “Fique sabendo” – teste para diagnóstico do HIV fica pronto em 40 minutos

 

Você pode gostar de ler:

Mamãe, como eu nasci? – Peça ajuda dos livros para responder, são seus melhores aliados!

Livros para ajudar a falar sobre Deus

Dedoches, use-os para contar histórias!

Livros abordam adoção na visão da criança

Livros para a chegada do irmãozinho

 

placa-simone

 

@ Mães Amigas

Escrito por: @ Mães Amigas

Confira os 1330 posts publicados pela @ Mães Amigas

Veja Também